22 de jul de 2010

Biografia


Como escrever a vida, em linhas sinuosas, traços espaços, traçar uma linha reta, contornar o horizonte, um lápis a chegada, uma caneta a partida. A vida é um pedaço de carvão, segue sem metas, alcança a razão se dispersa em um olhar no meio da imensidão. O tempo apagou o que não chegou a ser escrito, a união de dois anéis, representa a paixão, palavras amargas machucam um coração. O silêncio é o carrasco das palavras,condenado a  solidão..O tempo parou na janela vendo a vida  passar,toda vestida de azul,carregando uma sombrinha,se escondendo do Sol..Como escrever a vida sendo ela,tão diferente,a vida é uma biografia,sendo cada dia re-escrita

21 de jul de 2010

QUERO TE CONHECER..

O tempo passou,meu instante se apoderou de mim..Estou andando descalço,minhas pegadas pegadas descompassadas se voltam pra trás,no mesmo passado em que meu coração mora.
Quanto anos tenho desde que me perdi?Onde estão seus braços?Me alimento de seu olhar puro néctar que nasce dos seus beijos...Seja minha pele,onde o Sol possa se aquecer,viaje por dentro de mim,explore cada palmo do céu que tenho.
Penso demais em mim,sou um especialista em mim mesmo,desconhecedor  dos sentimentos alheios,quero saber o que sentes,me mostre quem és,.. Ensine-me a lhe entender,me faça conhecedor de ti..Me faça voltar pra casa,agora chove,está frio lá fora...

8 de jul de 2010

Coração

 Perdi meu coração,em que caminho foi não consigo lembrar,desde que eu o tirei da minha caixa torácica ,ele andava por ai,pelo canto da casa,jogado no sofá,por muitas vezes dentro da gaveta..Agora preciso tanto dele,tenho que acha-lo depressa,o tempo expira..Foi me dado pelo destino uma ultima chance de amar,talvez seja tarde demais,na realidade mesmo tendo um coração,não saberia amar..Na verdade queria encontrar meu coração somente para preencher este vácuo que há em meu peito,este deserto que minha alma percorre todos dias..Ouço minha voz ecoar por dentro de mim,como dói este vazio,sinto uma lâmina percorrer meu corpo.
Mas se um dia meu coração for achado,se um dia alguém o trouxer de volta,que seja  a pessoa que cuidou dele enquanto estava perdido,que curou suas feridas,o protegeu do frio e da chuva..Quem sabe ela verá em seu rosto o Amor e queira cuidar para sempre deste pobre coração...

2 de jul de 2010

Voltei,sem ter partido

Não conseguir ficar muito tempo longe daqui,queria me encontrar,ir pra bem longe,mas só foi virar as costas e lá estava eu..Ninguém e nada vale uma noite mal dormida,um momento de tristeza.
Tenho em mim todos os sonhos do mundo,uma parte dele vive em mim e nada vale apena ir,de hoje em diante saberei dosar as coisas,serei mais razão e menos coração..
Escreverei uma nova estória,um novo capitulo em minha curta vida...

1 de jul de 2010

ADEUS

Quando se parte,vem a cabeça milhões de palavras a serem ditas,ao pensar em um nome pensei "ANJOS NÃO CHORAM"imaginava que eles por serem perfeitos não sentiam dores..Nunca saberei se eles choram..Se suas lágrimas forem doce como as minhas que escorrem neste momento ao me despedir,será meu unico consolo.,,
Direi o velho clicher 'ADEUS"assim não inventarei palavras,sinonimos,verbos sem sentidos...
Quem sabe um dia eu volte ou não..Já é anunciada minha partida,tenho que ir..deixarei pontos para quem sabe um dia volte................

Template by:

Free Blog Templates