19 de mar de 2011

Equinócio

Minhas noites e dias tem tido a mesma duração,doze horas dividas entre a luz e a escuridão..Do equador celeste  o Sol anuncia sua chegada é hora do horizonte e da alvorada partir,fica agora apenas o silêncio..Há tempos o que fazia meu coração orbitar  segue uma translação diferente,ando desorientado a rotação do meu corpo segue uma rota diferente,ando meio tonto,as quatro estações me visitam num mesmo dia,o calor da minha alma não me deixa dormir,a primavera que se anunciava em teu sorriso neste ano não floresceu,folhas secas são levadas pelo vento,o circulo polar  ártico é tudo que tenho,o inverno rigoroso faz meu espírito tremer..A poluição me impede de lhe procurar,o céu parece uma fotografia preto e branco,sem ação deixo o Amor ir embora,antes de ir leve um cachecol,está frio lá fora,não quero que pegue um resfriado,te preparei um chá de anis..Ainda te amo,nos passar das horas,não vejo a noite chegar,tudo dura o mesmo tempo a esperança do dia que qualquer hora você possa voltar e a solidão das noites,nas quais me pego sozinho esperando uma nova alvorada.. 

0 comentários:

Template by:

Free Blog Templates